Quais São As Maiores Indústrias Da Argentina?

Na América Latina, a economia argentina está em terceiro lugar entre as maiores economias que vêm depois do Brasil e do México. As estatísticas fornecidas pela base de dados do World Economic Outlook do Fundo Monetário Internacional mostram $ 879.4 bilhões de PIB na 2016 para a Argentina. Sendo um país bem desenvolvido, empreendendo diversas iniciativas de exportação de têxteis, produtos agrícolas e produtos industriais, a situação econômica da Argentina está melhorando continuamente. Com uma população de 43.9 milhões de habitantes, o crescimento do setor industrial está criando oportunidades de emprego. Córdoba é o centro industrial reconhecido mundialmente na Argentina, que abriga a montagem de motores e a usinagem de metais, entre outros locais de fabricação.

Indústria de Processamento de Alimentos e Bebidas

Concedida com terras férteis e ricas, a Argentina possui vastos recursos agrícolas e energéticos que são usados ​​no setor industrial do país. As melhorias observadas nos produtos agrícolas de trigo, milho e cevada fizeram com que as exportações de cereais impulsionassem a indústria de alimentos. As empresas de processamento de alimentos e bebidas estão localizadas principalmente em Buenos Aires. Uma das indústrias mais antigas e significativas na Argentina sempre foi o processamento e embalagem de alimentos. Começando com o processamento e embalagem de carne destinada a ser exportada, o setor de processamento de alimentos e bebidas já se aventurou em diversos alimentos e bebidas que têm mercados globalmente.

Eletrodomésticos e Indústria Eletrônica

A disponibilidade de recursos necessários na Argentina aumentou drasticamente o desempenho das maiores indústrias do país. O setor inovador na indústria de eletrodomésticos e eletrônicos continua evoluindo e se modernizando para atender às crescentes demandas do mercado global e local. A indústria de eletrodomésticos e eletrônicos da Argentina está entre as poucas nações com números elevados na produção de eletrodomésticos. Políticas favoráveis ​​do governo permitiram que esta indústria registrasse uma previsão de mercado positiva que foi auxiliada pelo uso do varejo na Internet para alcançar uma base global de clientes com facilidade.

Industria têxtil

Mostrando um crescimento significativo de 75% em 2002, a indústria têxtil foi registrada como uma das maiores indústrias da Argentina. As condições políticas e econômicas favoráveis ​​aumentaram o poder de compra das pessoas e turistas. Com um valor estimado em US $ 12 bilhões, a indústria têxtil argentina impulsionou o setor de vestuário, que tornou os ícones de designers de moda globais a fonte de seus materiais de vestuário de alta qualidade da Argentina. Gozando com mais de 11,500 empresas têxteis de fabricação que são de propriedade de famílias locais, a câmara Argentina Vestuário Industrial registra um valor de produção de US $ 2.7 bilhões por ano.

Indústria do Petróleo

A indústria do petróleo na Argentina sempre recebeu apoio do governo. A exportação de combustíveis derivados de petróleo começou nos barris 800,000 de menor consumo nas 90s, mas cresceu de forma constante com a descoberta de reservas de petróleo localizadas no Rio Negro Norte.

Desenvolvimento Econômico Sustentável

As maiores indústrias da Argentina somam 69.7% do total das exportações. À medida que o país trabalha para melhorar os padrões de vida de seu povo, uma transformação econômica é testemunhada e promove o desenvolvimento econômico sustentável. Novas tecnologias são adotadas pela maioria das maiores indústrias da Argentina. O país assumiu um papel ativo nos assuntos internacionais e na 2018 e estará ocupando a presidência do G20. Recentemente, o país tornou-se observador na Aliança do Pacífico e manifestou interesse em ingressar na OCDE.